Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Rádio Web

Publicidade

 

:

 O professor e jornalista Wilson Ferreira, editor do blog Cinegnose, concedeu uma entrevista exclusiva à TV 247, em que explicou a "bomba semiótica", da Tuiuti, que conseguiu decifrar e explicar o golpe de 2016 para milhões de pessoas, em seu desfile na Sapucaí. "A Tuiuti criou uma dissonância cognitiva. Ela criou ruído. Ela trolou aquele momento", afirma. "Uma das estratégicas anti-midiáticas deve ser a de guerrilha", afirma. Na sua visão, a nova forma de atuação das esquerdas deve também buscar uma ocupação semiótica, como foi demonstrado pela Tuiuti