Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Rádio Web

Publicidade

Reprodução: <p>Fantástico rosinha garotinho e adriana ancelmo</p>

"O Fantástico da noite de domingo superou todos os graus imagináveis de promiscuidade entre uma emissora de televisão e uma instituição parajudicial, o Ministério Público. O MP cedeu ao programa global todas as imagens de uma “vistoria” que realizou no presídio de Benfica, no Rio, e às celas de Sérgio Cabral, Anthony Garotinho, Jorge Picciani e de Rosinha Matheus e da mulher de Cabral, Adriana Ancelmo. Um exposição mórbida que nenhum ser humano, nem mesmo meu pior inimigo, merece", escreve Fernando Brito, editor do Tijolaço