Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Rádio Web

Publicidade

 

:

Depois de gerar polêmica ao pedir pra receber R$ 61 mil por mês, acumulando dois salários e ultrapassando o teto do funcionalismo público, a ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois (PSDB), afirmou ser "preta, pobre e da periferia" em cerimônia nesta segunda-feira com Michel Temer, durante o lançamento do Programa Emergencial de Ações Sociais para o Estado do Rio de Janeiro e Municípios