Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Rádio Web

CNB Telecom

1º Encontro de Motociclistas

Espetaria e Bar

Publicidade

Publicado: quinta-feira,11 de abril de 2019, às 00:59
Por: Alexandre Ricardo

onduzindo o Santa Cruz à mais uma etapa da Copa do Brasil, o técnico Leston Júnior elogiou o desempenho dos seus atletas na vitória incontestável sobre o ABC/RN, no Estádio do Arruda. De acordo com ele, a equipe conseguiu reproduzir situações trabalhadas no dia a dia, diminuindo o índice de erros dos últimos jogos. 

Conseguimos fazer tudo que estamos ensaiando bastante. Nos jogos passados, tínhamos alguma dificuldade no acabamento, nesta conclusão das jogadas. Mas era possível ver a tentativa de acertar. E agora acertamos. Na parte do último treino que abrimos, quem observou viu alguns movimentos que estimulamos. Só tenho que parabenizar os atletas pelo entendimento ", disse o treinador. 

Como não poderia ser diferente, também não faltou menção ao apoio do torcedor na arquibancada. O público de 16.580 pessoas foi o maior do Mais Querido nesta temporada, sendo fundamental desde antes o início do jogo, segundo o comandante coral. 

Quero fazer um agradecimento, mais uma vez. Hoje, de forma mais contundente. Em nome de todo grupo, comissão técnica. O torcedor foi fundamental desde o treino da véspera. O apoio, o incentivo. A atmosfera foi grande desde o nosso aquecimento. Os jogadores comentaram na volta para o vestiário que estava sendo diferente. Agradeço aquele que veio, quem também ficou em casa. Peço que continuem vindo ", agradeceu.

CHARLES 
A entrada do Charles no lugar do (Diego) Lorenzi foi 100% pela bola parada. Falei na preleção que não iria mudar nada. São dois volantes de contenção, numa função de dar ao Ítalo (Henrique) um pouco mais de liberdade. Esse diferencial foi importante para a gente, acabou desequilibrando ".

CLASSIFICAÇÃO 
Falei para os atletas que era uma oportunidade de apagar aquela eliminação no Pernambucano. Parabenizo os caras porque foram perfeitos, deram a resposta que a gente precisava. Às vezes, o futebol permite o jogo atípico. Com todo respeito ao Pedro Manta e ao Afogados da Ingazeira, aquele jogo foi fora da curva. Tivemos um pênalti que não foi marcado, depois fomos incompetentes. Um dia ruim, que acaba ficando marcado. Mas agora não voltarei a falar dele ".