Pesquisa no Google

 
bove=""

 

Rádio Web

Publicidade

O dirigente do PT Valter Pomar classifica como um "retrocesso estratégico de décadas" a proposta atribuída ao ex-governador Jaques Wagner, de avaliar a possibilidade do PT não ter candidatura própria e apoiar um nome como o de Ciro Gomes; " Ao impedir Lula de participar da campanha, como candidato e/ou como apoiador, o golpismo está fraudando e adulterando antecipadamente o resultado das eleições", diz ele; "A possibilidade sugerida por Wagner é na verdade pior que um plano B. Está mais para "plano S", S de suicídio"